By Ana Bailune
"Toda a arte é completamente inútil." -  Oscar Wilde
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos








Uma Tarde no Jardim



Memórias subiam rentes aos troncos 
E pendendo dos galhos das árvores,
Caíam devagar sobre o telhado da casa
Formando estalactites;
Não eram alegres, nem tristes,
-Eram apenas lembranças
Do que já não mais existe.
 
Olhos me olhavam de cada flor,
As pupilas  nos miolos,
Exalando antigos perfumes.
No gramado, pegadas de passos ausentes
Que renasciam, como as sementes.
 
Havia risos nas vozes dos pássaros,
Rostos flutuando nas nuvens
Que me observavam. 
Mas todos, absolutamente todos,
Se desmanchavam.
 
Eu não estava sozinha,
Ali, naquele jardim,
Pois senti que havia nele
Tanto daquilo  tudo
Ainda em mim.



Ana Bailune
Enviado por Ana Bailune em 22/11/2017
Alterado em 22/11/2017

Música: Cello Suite No.1, 2. Allemand - Yo-Yo Ma



Comentários

MATURIDADE Ana Bailune R$11,55
O JARDINEIRO SONHADOR & OUTRAS CRÔNICAS Ana Bailune R$4,34
LIXO EXISTENCIAL - AMOSTRA Ana Bailune R$1,00
SEMPRE CADA VEZ MAIS LONGE Ana Bailune R$2,00
A Ilha dos Dragões Ana Bailune R$7,00
Vai Ficar Tudo Bem - ESGOTADO - Disponível na... Ana Bailune R$2,00
Site do Escritor criado por Recanto das Letras