By Ana Bailune
"Toda a arte é completamente inútil." -  Oscar Wilde
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Textos

Fotos: Igreja ao ar livre em Vale do Amor, em Petrópolis



O Tapa do Papa


Há alguns meses publiquei no Youtube um vídeo sobre quando os gurus perdem a cabeça. Quem estiver interessado em assistir, basta acessar meu canal por lá, o Espiritualidade na Lata, ou procurar o link aqui entre os meus textos.

Quando assisti ao momento em que o Papa retribuiu com um tapa o entusiasmo de uma de suas fiéis admiradoras, confesso que fiquei chocada, mas logo eu me lembrei do meu vídeo e de outros gurus que também perderam a cabeça em outras ocasiões - dos quais falo em meu vídeo. Fiquei com pena da mulher, pois tenho certeza  que ela planejou aquela viagem durante meses, guardando dinheiro, comprando a passagem, esperando as férias chegarem, etc. Não sei dos motivos pelo qual ela agiu como agiu, agarrando o Papa pelo braço. Desespero, talvez?

Ao sentir-se tolhido em seus movimentos, sem nem olhar para ela direito,o pontífice puxou o braço com força, e desferindo um tapa na mão da mulher, nem tentou esconder o semblante enfurecido.




Uma cena estranha.

Sei que às vezes não medimos nossas reações à ações inesperadas, mas mesmo assim, acho que o Papa deveria estar preparado para lidar com o público com mais paciência, equilíbrio e consideração. Para acrescentar insulto à injúria, logo em seguida ele ainda falou contra a violência às mulheres. Uma ironia?

Na verdade, a maioria das pessoas anda sem paciência: para ler, para escrever, para esperar, para dialogar e interagir com as outras pessoas. Se alguma coisa nos incomoda, partimos logo para a ignorância. É como se o relógio da vida tivesse acelerado de repente, fazendo com que todo mundo quisesse tudo, e quisesse agora!

A árvore incomoda? Manda cortar! O texto é "longo demais? "Ah, não vou ler!" ! A opinião do outro incomoda? "Vou xingá-lo!" O ônibus está demorando? "Vou reclamar do motorista!" E todo mundo anda agindo sem pensar, sem refletir, baseados naquilo que faria com que suas insatisfações momentâneas fossem resolvidas de uma vez - mesmo que isso prejudique alguém. 

Falta tempo para pensar antes de agir. Mas sobra tempo para dedicar a coisas que não trazem nenhum retorno ou crescimento. Tempo esse que é jogado fora no exercício da superficialidade.

Ana Bailune
Enviado por Ana Bailune em 06/01/2020
Alterado em 06/01/2020


Comentários

Free background from VintageMadeForYou
MATURIDADE Ana Bailune R$11,55
O JARDINEIRO SONHADOR & OUTRAS CRÔNICAS Ana Bailune R$4,34
LIXO EXISTENCIAL - AMOSTRA Ana Bailune R$1,00
SEMPRE CADA VEZ MAIS LONGE Ana Bailune R$2,00
A Ilha dos Dragões Ana Bailune R$7,00
Vai Ficar Tudo Bem - ESGOTADO - Disponível na... Ana Bailune R$2,00
Site do Escritor criado por Recanto das Letras